sábado, 27 de dezembro de 2014

# Existem provas pelas quais não estamos destinados.... ou não #

Ultimamente têm sido algumas provas pelo qual desejo muito ir e acontece sempre algum inconveniente para que me ausente.

A primeira em que tal aconteceu custou-me imenso, porque é uma prova que quero muito um dia fazer e porque tanto bem dela dizem. A corrida das fogueiras.
Iria a esta prova este ano não fosse a lesão que me assolou durante 2 meses.
Depois Meia da Nazaré e Lampas..
Mais uma ausência... e a da Nazaré custou-me pois adoro aquela vila... diz-me muito dos tempos de infância e há muito que lá não vou... era uma boa maneira de relembrar bons velhos tempos.

E agora..... ohhh e agora a São Silvestre de Lisboa.
Inscrevi-me no mês de Novembro. Não era de todo para ir até porque nesta altura do ano é sempre complicado conjugar tudo, mas como tudo indicava que com o trabalho e a faculdade tudo tinha que ser calmo nesta altura aproveitei e fiz a inscrição.
Mas..... anda por aí alguma bruxinha a rogar-me pragas ou coisa que o valha e eis que os sobrinhos vieram com uma virose do infantário e pegaram o raio do vírus á restante família, pais, avós e claro a tia.
Fiquei o dia 26 de cama, e de 10 em 10 minutos lá ia fazer uma corridinha até ao wc.... foi assim desde as 2h da manhã até ás 20h mais ou menos.
Hoje nem sei como me ponho em pé, parece que me passou um camião em cima, mas I'm alive!!!!!!!!! :)

Resultado!?!!??!

Bye Bye São Silvestre!!!!

:(

Gentilmente ofereci o meu dorsal a uma amiga e espero que ela se divirta muito!!
Alguém ao menos que vá dar uso ao meu belo nome :)

Mas como este ano de 2014 está no fim e eu espero que tudo de mau fique nele,... a entrada para 2015 já está a ser planeada.

E vem com algumas surpresas.

Ora portanto o ano terá inicio com a mais bela prova do mundo... Fim da Europa.
De seguida virá o Trail de Bucelas....
E depois, tinha-vos dito que ia a Almeirim, eu sei, mas outras vontades surgiram.
E cometi uma loucura.

Ultimo fim de semana de Março de 2015... alguém quer adivinhar?!

Eu dou uma ajuda...





Então ainda não adivinharam?!

Mais uma ajudinha....




Agora sim!!! Pois sim?!?! :)


Será os 21Km por terras do Piódão!!
Há já algum tempo que os meus pais me fazem pirraça com esta terra e eu decidi fazer-lhes uma surpresa... marquei este ultimo fim-de-semana para irmos ao piódão e juntei o útil ao agradável.
Pensavam que ia lá para cima e não aproveitava esta oportunidade?! Claro que não!!!

Por isso será um fim-de-semana em cheio em que vamos não só visitar o Piódão (no meu caso mesmo conhecer) e depois iremos também á Fraga da Pena e á Mata da Margaraça.






Estas fotos todas violentas só de olhar é só para ver se alguém se sente com inveja o suficiente e decide ir também... eheheheh Alguém!?!?! :)

Nunca lá fui mas algo me diz que vai ser BRUTAL!

E pronto a piolha enlouqueceu e vai treinar... bye!!!!

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

# Meia Maratona dos Descobrimentos #

Pois que se correu, correndo a meia maratona dos descobrimentos.

Passei uma semana complicada, entre formação no trabalho, estágio, faculdade e uma gripe que deita abaixo desde Domingo passado, a coisa não foi fácil. Mas estava inscrita para a meia e de maneira que lá fui eu em direcção ao Mosteiro dos Jerónimos.
Estava frio mas como não fazia vento a coisa aguentava-se bem.
Como tenho estado com imensa tosse estava com medo da meia e pensei "ok, começas e como tem 10Km também, depois vês, qualquer coisa cortas e fazes os 10Km!".
ahahahahh querias não querias?!
Pois, era bom se os 10Km não partissem 30min antes dos da meia ahhaah
Estão a ver a minha cara quando os vejo partir não estão?!

Muito bem mudança de planos, vais até onde achas que consegues e qualquer coisa voltas para trás. Sem problemas :)

Os 4 ao Km :)
Tiradas as fotos da praxe, seguimos em direcção á partida, e eis que damos de caras com a Fiona e o Bluesboy, na qual a Fiona me pergunta tu vais aos 21? E eu eis que lhe digo epah eu pensei em fazer os 10Km mas já partiram... E ela e diz.. "Vamos juntas e vamos nas calmas, qualquer coisa voltamos para trás.. sem stress!".
E assim foi.... fomos na amena cavaqueira e super tranquilas.
Esta meia brinda-nos logo com uma subida ao Restelo, não nos mata nem mói... a gente esquece-se logo dela :)
Sinceramente pensei que me fosse deixar mais cansada, mas não dei mesmo por ela...
depressa chegamos aos 5km e aí é sempre a "abrir" até á meta... nada sobe e desce e não tem nada que enganar... sempre em frente....



Eu sinceramente odeio provas assim... e quando sei aquilo que falta para chegar ao destino pior... parece infinito.... não sou fã. Mas esta fez-se muito bem.

Acho mesmo que se tivesse ido sozinha teria voltado para trás em algum ponto.

Quando começamos a interceptar com o pessoal que ia de regresso em direcção da meta, é que começou a maluqueira :)

Aquilo é que foi dar fives e gritar aos amigos.... até Santa Apolónia foi a loucura. :)
E quando assim é, é tão bom :)))

Adorei rever amigos que já não via á bastante tempo.
Já tinha saudades deste companheirismo e desta alegria toda.

Fui devagar, é certo, mas foi muito bom.

O que não foi tão bom, foi a organização.

E sobre isto tenho mesmo que falar, não porque tenha algo contra das outras vezes, mas porque vi a falta de respeito que houve para com os últimos.

Se esta prova tem tudo para dar certo? Tem, mas não deu.... pelo menos não para os últimos, que sendo eu uma delas me senti ignorada e descriminada.

Supostamente, aos 10Km havia um abastecimento, confirma-se, haver havia, mas para os que constavam a voltar para a meta. Eu explico.

Ia-mos nós na nossa amena cavaqueira, quando dizemos "águas!", e realemnte haviam águas, mas o voluntários estavam a transportá-las do nosso lado para o lado em que os atletas já iam de regresso, ou seja, não nos deram, e ignoraram-nos por completo. Passavam á nossa frente cheios de águas e para nós nada.
Tanto eu como a Fiona iamos com sede e pensámos.. "ok secalhar para nós é mais á frente!"....
Ai sim?! Onde?! no mesmo sitio dos 10Km mas teriamos que ir a Santa Apolónia e voltar.....
Mau muito mau!!!!!

Já iamos a fritar, quando o amigo Marco no Terreiro do Paço tem a amabilidade de nos informar que não havia águas dali para a frente!
Mais a fritar ficámos....

Chegamos a Santa Apolónia, e estão lá pessoas da organização com uma carrinha da XISTARCA.
Eu digo "Não há águas?!!" ao que eles respondem "Aqui não, havia aos 10km!" .... ahhhhhhh então aquelas águas que andavam a transportar para os outros era para nós?! Passei-me e disse " não não havia águas!" ao que os senhores não gostaram e só faltou darem-nos porrada!!!!
Uma atitude indecente!!!!

Secas que nem carapaus, lá seguimos.... comentamos que levamos a boca parece uma rolha de cortiça... mas lá continuamos. Chegamos ao Terreiro do Paço e vejo os amigos Carla e Jaime nas suas bicicletas. Que alegria vê-los ali :)
Que agradável surpresa :)

Seguimos caminho e eis que pouco antes do Cais do Sodré passa por nós um Polícia na mota que nos chama... "Meninas, estão com sede não estão?!" aiiiiii que anjinho!!!! O Senhor agente tinha águinhas para nós :))))

Que felicidade... Chamei-lhe anjo da guarda...
E querem saber?! Foi mesmo o nosso anjo até ao fim... De vez em quando lá vinha ter connosco a ver se estavamos bem eheheh
Afinal não são todos antipáticos :)))

Bom lá seguimos e chegamos ao local em que supostamente deveriamos ter apanhado águas.... desta vez ninguém nos toma por parvas... fomos apanhar águas... mas eis que quase somos levamos pelo caixote do lixo.
Eu explico....
Mais uma pérola... já estavam portanto a varrer tudo e a arrumar. Pinos, águas, etc... estava tudo a ser arrumado, e quase que eu e a Fiona somos varridas também. Aliás tivemos mesmo que nos desviar dos senhores do lixo.

Grande consideração!!!

Mais á frente vemos a organização a tirar os caixotes do lixo e arrumar os pinos de sinalização....
Ou seja senti-me um empeçilho naquela prova...
Senti-me mesmo que não devia ter ido e que estava a estorvar os senhores da organização.
Não gostei e sinceramente não faço questões de voltar.

Não costumo chegar tão no fim.. (sim chego sempre nos últimos mas não tanto hehehhe) e ontem cheguei quase em último e aquilo que os últimos sentem é desprezo.
E talvez por isso é que não participa mais pessoas.

Não gostei da sensação.
O último que chegou já não tinha ninguém a aplaudir, nem ninguém a dar força....
E o último caros amigos deveria ser recebido tal qual como o primeiro!!!!
Porque aqui não interessa tempos, mas sim a dedicação e o esforço!!!

Mas neste campo temos muito a aprender com os espanhóis.

Somos tão pequeninos e tão egoístas.

Quanto á organização, mais uma coisa, acho que também calhava bem um abastecimento sólido.
Mas isso são opiniões.
O mais grave já o referi.

Não gostei desta prova nem da organização, e digo mesmo sem papas na lingua.
Mas gostei tanto do ambiente :)))



 Quanto á minha prova....

Já deu para perceber que fui lenta mas feliz não já!? :))))


quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

# Correr.... porquê?! #

Não, não corro porque me apetece.

Não corro porque tenho de correr.

Não corro contra minha vontade.

Não corro para ganhar ao adversário.

Não corro para ganhar uma medalha ou um lugar no pódio.

Não corro contra os outros.

Não corro sem vontade.

Não corro enfadada e sem estímulo.

Não corro só porque sim.

Corro porque me dá prazer.

Corro porque me faz ser mais saudável.

Corro porque gosto de correr.

Corro porque me dá vontade. Porque tenho vontade.

Corro porque quero vencer-me a mim.

Corro porque quero sempre chegar mais longe.

Corro a pensar em tudo menos em que estou a correr.

Corro porque assim sou feliz.

Tu podes correr porque queres vencer, porque queres ganhar àquele que vai à tua frente, porque anseias por ganhar uma medalha ou um lugar no pódio. Podes correr por competição, ambição e determinação. Podes correr apenas com o objectivo de ganhar. Mas lembra-te que o teu adversário és tu próprio. Nunca chegarás mais longe se não te enfrentares a ti mesmo.

Cada um corre com os seus objectivos, mas!!!!.....
Cada um corre com o seu objectivo, e são esses objectivos que fazem cada um de nós pessoas iguais mas diferentes.

E ficou tudo dito.
:)

terça-feira, 25 de novembro de 2014

# 7º Alverca Urban Trail - Comunicado #

Olá meus queridos

Ora então como sabem e leram aqui, neste Domingo dia 30 de Novembro, iria ocorrer o 7º Alverca Urban Trail. Um evento totalmente gratuito e realizado uma vez por mês por pessoas apaixonadas pela corrida que se juntam proporcionando uma super hiper mega alegre manhã.

Acontece que nos últimos dias, e como é de conhecimento de todos, o tempo não tem estado favorável, e como consequência algumas partes do percurso não estão viáveis para garantir a segurança de todos os participantes, segurança essa que é imperativa para toda a organização.

Como tal venho informar de que o evento foi adiado, não sendo ainda conhecida a data prevista de realização do mesmo.

Deixo-vos a cópia do Comunicado feito pelos colegas na página do evento :)

"COMUNICADO OFICIAL
Caros amigos, como sabem a vossa segurança para nós é a primeira prioridade, e o percurso que iríamos efectuar devido ao mau tempo deixou de garantir a segurança e integridade dos participantes, situação que para nós é inaceitável. Sem ter alternativas viáveis para garantir a segurança de todos decidimos adiar o evento.
Como a regra da nossa organização é Segurança acima de tudo, não será possível realizar o evento na data prevista, assim fica adiado o evento com data ainda a definir.
Lamentamos este percalço, mas não se pode controlar tudo.
Já estamos a trabalhar em grandes projectos para o início de 2015.
Aguardem com atenção que em breve irão surgir novidades maravilhosas.
O grupo,
Alverca Trail Run"



Prometo, e porque realmente tive um feedback muito positivo pelas pessoas que souberam do evento, de que quando houver uma data definitiva venho avisar-vos :)

Um beijinho enorme a todos
Sejam felizes

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

# Wishlist .. Querido Pai Natal #

Ora que estamos numa altura em que se fazem pedidos, listas ao pai natal, etc.... eu também tenho os meus desejos de natal e aqui vos apresento alguns deles:

Uns "pneuzinhos" novos para trail irão dar jeito para o ano de 2015... como tal estes não eram nada maus não senhor :)



 Lindos que só eles... dizem que têm uns picos em metal para melhor aderência e tudo vejam só...

A seguir, e como o tempo anda maluco, nada melhor que um corta-vento jeitoso...




Super fofinho não é?!... e tem protecções para a cara e mãos para quando está frio.

Mas há mais marcas e todos eles são lindos e dificéis de escolher... por isso mostro todos... deixo ao critério do Pai Natal eheh

Reebook




Pronto já chega de corta ventos não é?!

E para o outfit ficar completo, e como estou farta de calças pretas sem graça, nada melhor que estas belezas... foi paixão á primeira vista :)



Super TXANAN!!!!!

E pronto querido Pai Natal é isto....

Vê lá se lês a minha lista :)

E vocês já fizeram a vossa wishlist?! :)

Beijinhos e abraços

domingo, 16 de novembro de 2014

# Monge... lama... Monge e mais lama... e subidas #

Ai dizias tu que já não te lembras bem de como era a subir... ai é?!
Então toma lá!!!
eheheh

Dei por mim a dizer "Eu não sei onde tinha a cabeça quando me inscrevi!" , mas tal coisa passou-me logo da mente também :)

Ora então começamos pelo inicio...
Esta prova resume-se muito facilmente... é subir!

Não, vá tou a brincar .... Dado o tiro de partida e começamos a descer, mas atenção são uns meros 50m?! talvez... porque depois é a subir. E só deixamos de subir ao 5Km?! Sim acho que sim...
Por isso até ao 5Km não há muito para contar... apenas eu um bocadinho a andar um bocadinho a correr e espantada com o meu pai.
Sim eu levei o meu pai e o Homem tem bagagem senhores... sempre ali a puxar por mim.
Vá mas também não se pode exigir muito de um rabo pesado que ainda por cima tem a força da gravidade contra ele.
E subimos... subimos.... e aos 5Km começamos a descer.... a descer como quem diz.. entramos na parte mais brutal e fantabulástica da prova :)
Os trilhos própriamente ditos... aquilo é lançar por ali abaixo e só paramos quando chegamos ao fim.... era suposto ser assim não era?!
Bom eu achei que estava a voar.... sentia-me a capuchinho vermelho a caminho da casa da avózinha, imaginem lá, eu a descer leve levemente por aqueles trilhos loucos em pino.... e de repente atrás de mim começo a ouvir "tratratrattratrartaratratat" ... eu penso elá que vem aí um urso!!!
Quase que era.... eram mesmo um grupo de doidos que vinham a correr lançados tipo foguetes por ali abaixo... olhem se eu achava que estava a ir rápido tirei logo daí as ideias hahahahahah
Eu juro, juro que o primeiro saltou por cima do meu pai.... o Homem lançou-se e eu só o vi no ar e o meu pai cá em baixo ahahahha o que eu me ri!!!

É muito treino senhores.. muita "ténica" :)
Um dia chego lá (cof cof... quase)... por enquanto limito-me a ser a capuchinho vermelho por ali fora.

Nesta parte da prova havia o quê?! MUITA LAMA!!!
Lama de colocar os pés e deixar de os ver... sorte que mais á frente havia um riacho e toca de colocar os pés de molho, mas..... irra que gelo :D

Estreei-me na categoria de xlap xlap.... e até foi giro :)
Rápidamente chegamos á parte dura da prova.

Ahhh então mas a dureza não tinha já passado?!
Pois não.

É que dos 8 aos 10 +- é sempre a subir.... mas é que... eu nem consigo explicar a sério....nem tenho fotos porque era tanta lama que preferi não arriscar. Mas acreditem em mim, é a subir.
É de colocar as mãos nas pernas e ir a escalar duas autênticas paredes.

Vá anda lá que tá quase.

E eu a meio da subida solto um "E há gajos que fazem isto tudo a correr!" e eis que o meu pai solta um "Mas queres que eu faça isto a correr?!" :O

E começou a trotear por aquilo a cima eu cá de baixo só me ria ehehheheheh... ele é um extraterrestre... ou então a teoria do meu irmão está correcta... o pai treina ás escondidas :D

Quando parei de subir não sentia as pernas... apetecia-me ter parado um segundo, apenas um segundo, sabem aquele segundo em que a gente coloca a mão na anca e faz "UFFA" e segue?!
Mas não fiz, o pai diz que era melhor correr e eu olha fui na dele. A partir dali agora era sempre a descer até á meta e foi sempre a correr por ali abaixo.

E ficou feita... passámos a meta e apenas olhámos um para o outro e rimos eheheh... não havia nada a dizer depois disto tudo... Claro que não!!


 Grande aventura!!

É sempre um gosto participar nesta prova. No ano passado não havia muita lama, mas este ano derivado aos últimos dias a coisa estava feia... mas podia estar pior... :)

Mais uma grande prova.

E não quero despedir-me sem antes dizer isto, porque acho que quando se tem a dizer de bem deve-se dizer, mais do que quando há algo de errado.
Nesta prova não houve nada de errado a apontar á organização.
NADA!
Super bem identificado o caminho, montes de voluntários ao longo do percurso, e muita água.
Parabéns á Organização!!!


E assim ficou feita e concluída mais uma grande prova, com um sabor especial, uma prova de pai e filha na Serra de Sintra :)

Beijinhos e Abraços
Sejam Felizes

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

# 2015 com sabor a Trail #

Por aqui já se fazem planos para 2015 visto que o calendário de 2014 está quase no fim e já está preenchido.

Até ao final do ano tenho mais 3 provas. Este domingo vou a Janes fazer a Corrida do Monge com o meu pai :) vai ser uma estreia para ele, no dia 7 irei estar na Meia dos Descobrimentos e no dia 27 irei á São Silvestre de Lisboa.

Para 2015 o calendário começa-se a compor e por incrivel que pareça ainda só tenho trail's em vista ahah

Assim a sério já estão duas marcadas, O Trail de Bucelas dia 01 de Fevereiro, que já tem inscrições abertas e que por ser super perto de minha casa merece uma visita, e o Trail de Almeirim que irá realizar-se no dia da Meia de Lisboa mas que irei optar pelo trail.

Existem mais algumas em vista mas por agora é isto. :)

Quanto ao Trail de Bucelas podem ver tudo aqui no blog da organização... mas eu em jeito de vos convencer a vir também deixo-vos com o vídeo da edição deste ano eheeh

http://vimeo.com/85720543


 O Trail de Almeirim será a primeira edição e pelo que já vi parece-me a mim que vai ser um belo evento logo eu não vou querer perder por nada :)


Portanto aqui está o meu "plano" para 2015.... com alguns Trail's no calendário... :)
E vocês?! Venham daí!!

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

# Venham conhecer a minha terra... 7º Alverca Urban Trail #

É um convite.

Um convite que faço a todos os amigos, conhecidos e apenas leitores.
No próximo dia 30 de Novembro irá haver mais um Alverca Urban Trail, no qual eu tenho sempre (desde o momento que os descobri) o prazer de participar.

O primeiro que fiz foi o 5º Alverca Urban Trail que, aqui, na altura fiz questão de contar tudo tim tim por tim tim.
Essa foi realmente a primeira vez que me juntei a este grupo, e como referi na altura foi brutal.
Adorei a experiência e a partir daí faço questão de aparecer sempre.

Estes Urban trail's são feitos uma vez por mês, é gratuito e organizado pelo amigo Lino que muito se esforça para que tudo corra bem, bem como outras fantásticas pessoas. Todos têm uma coisa em comum, o gosto pela corrida.
Em conjunto fazem de tudo para que uma vez por mês este evento seja um sucesso e sempre com todo o cuidado.
De ressalvar que estes eventos são gratuitos, e por conseguinte faz com que não tenha os meios de protecção de uma prova normal. Isto faz com que a responsabilidade de quem esteja na frente do projecto seja gigante, mas no fim de tudo, é sempre compensatório.
A afluência aos eventos tem sido crescente, e cada vez mais aderem mais e mais pessoas, o que é fantástico.

No último Alverca Urban Trail foi feita uma noite de Hallowen que podem ver tudo aqui escrito pela colega e amiga de equipa Corre como uma menina, que fez uma visita a este evento e o relatou de maneira fantástica como só ela sabe e como já nos habituou tão bem.
Eu neste último não consegui ir á corrida, mas fiz questão de participar na caminhada, foi diferente daquilo que estou habituada (correr), mas gostei igualmente e mais uma vez tudo excelentemente organizado.

Agora indo ao que realmente interessa, vou-vos falar do próximo evento.


Estes eventos como tal o nome indica, ocorrem sempre na bonita cidade de Alverca, e este claro não é excepção!
Mas, terá uma particularidade interessante e que muito me apraz muito dizer, iremos passar por dentro do Palácio do Sobralinho, terra onde moro.
Será sem dúvida um evento fantástico, com um momento fora do comum como é o passar na envolvência de um palácio. E deixem-me que vos diga È bem BONITO!!!

Vocês vão gostar :)
É importante ressalvar que este evento é totalmente GRATUITO, basta aparecer, com vontade nas pernas e na alma :)

Como sendo um evento gratuito aquilo que se pede aos participantes é algum cuidado e protecção em alguma situação que possa colocar em perigo o ser humano.
É um evento feito especialmente para nos divertir-mos e para passarmos uma manhã agradável e cheia de boa disposição.

Portanto, façam favor de reservar a manhã do dia 30 de Novembro, para virem visitar esta bonita cidade de Alverca e arredores, e passar uma manhã cheia de alegria e boa disposição.

Venham daí!!!
Conto com vocês!!!
Eu vou estar atenta!!!

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

# Existirá limite? #

Alguns dizem que não deves morrer sem fazer uma Maratona.
Outros dizem que a Maratona não é o limite e para viveres uma aventura a sério tens de ir mais além dos 42,195 Km.
Outros são felizes pelos 21Km e nunca passam deles.

Existirá um limite?!
Existirá alguma aventura que tens mesmo que fazer nesta vida?

Pode existir, e eu acho que existe uma aventura para cada pessoa. Cada pessoa tem AQUELA aventura pela qual sonha, pela qual ambiciona lá chegar, pela qual quer lutar com unhas e dentes para a enfrentar.

Mas será essa aventura o limite? Haverá lugar nesta vida para existirem limites?

Ou quanto mais alcanças mais queres alcançar?!

Haverá uma linha pela qual o ser humano não deva passar?

Todos nós temos aquela prova de sonho.

Será que temos mesmo? E será que temos apenas uma? É possível ter mais que uma certo?
Cada prova é diferente e a cada prova uma experiência nova irá ser vivida. Não existem duas provas iguais.

O meu limite.... penso muito nisso mas nunca chego verdadeiramente a uma conclusão.
Tenho muitas na minha wishlist. Muitas delas irão ter que esperar vários anos mas também tenho a vida toda pela frente. Sem pressas.

Primeiro sonha-se com uma Maratona, mas depois pensa-se: Correr 42Km sempre ali em estrada, pelo meio de casas... haverá alturas em que irás sozinha... haverá alturas em que serás só tu e a Maratona. Nessas alturas poderá passar muita coisa pela cabeça, o desistir poderá ser uma delas. É possível. Mas será essa  uma das provas que consta na Wishlist? Bom, há algo nela que me puxa... mas não totalmente.

Depois sonha-se mais alto.
Sonha-se com trilhos e enormes distâncias em plena serra.
Aí já não existe a monotonia da estrada, mas serei eu e a natureza. Mais dureza e dificuldade é certo, e se a estrada me preocupa sem todos aqueles obstáculos encontrados em trilhos, então imagino como será em trilhos. Haverá alturas em que irás estar tão cansada que te irá apetecer sentar num canto e ali amuar. Será que sim?!

A seguir, pensa-se em mais.
Pensa-se que haverá sim um limite e esse provavelmente será um IRONMAN.
Será este o limite de um ser humano?

Será o limite completar 3,8Km a nadar, mais 180Km de bicicleta e no fim uma Maratona?

Será possível, por mais treinos que faças e por mais preparação tenhas, o corpo de um ser humano ser capaz de estar preparado para tal?

É possível. Eu sei que sim. Mas será possível a qualquer ser humano?! Estará nas capacidades de qualquer um ?

Isso não sei.
Sei que é possível, e tão possível que já vi uma pessoa que era super sedentária a tornar-se um Ironman por duas vezes em dois anos seguidos. E sei, que não serão os seus últimos.. haverão mais.
O meu irmão.
Uma pessoa que era sedentária, vivia o dia sentado numa secretária a olhar para um computador e chegou a um peso de 90 e tal kg.
Um dia decidiu fazer triatlo, e disse que iria fazer um Ironman.
Vivi tudo, e assisti a toda a preparação.


Alguém que coloca em mente um objectivo destes, deixa de ter vida social. Isso é certo. As horas de treino dedicadas ao objectivo são enormes e desgastantes.
É preciso sair de casa de noite e chegar de noite.
É preciso também ter um apoio enorme, pois não é fácil.

Mas o chegar á meta depois de tanta luta deve ser algo que nos ultrapassa.

Não é um desporto fácil. Não é um desporto em que vamos sempre a andar e a correr. É algo em que as transições são surreais.
O passar de nadar para cima de uma bicicleta e depois da bicicleta para corrida.... com estas distâncias, é uma loucura. Eu própria o ano passado (não não fiz um IronMan eheh) mas experimentei um mini triatlo, uma coisa pequena. Muito influênciada pelo mano, que na altura ficou louco com a decisão :) E posso garantir que mesmo em pequenas distâncias as transições são duras. Podem ler tudo aqui , mas uma coisa vos garanto, não é fácil :)
E por ser uma loucura e um desgaste enorme, o chegar ao fim deve dar uma alegria que não se explica....

Vê-se e sente-se...

Uns gritam
Outros dançam
Uns apenas cortam a meta sem expressão
Outros caiem
Uns choram
Outros fazem a festa

Mas todos por dentro são grandes.
E todos do primeiro ao último são recebidos em ambiente de festa.
Todos sem excessão são aplaudidos e festejados. O último então acho que é recebido com a maior festa de todos os tempos. Aqui, não existe um único vencedor, são todos aqueles que atravessam a meta.

Realmente acho que todos, um dia iriam gostar de ouvir "YOU ARE AN IRONMAN!"

Não?! :)

E o teu limite? Sonhas com aquela que será a tua prova limite?!

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

# Corre "like" a macho #

 Eu podia ser uma lady como o amigo Marco Paulo diz numa das suas canções, mas a verdade é que a correr sou verdadeiramente um macho endiabrado.

Eu podia ter pose e ser linda e maravilhosa, poder podia mas não era a mesma coisa, e após o primeiro km a coisa vai se modificando e no fim a transformação é critica.
Tudo começa em casa quando tiro os sapatos e os acessórios. De uma bandelete passa a boné, de sapatinho de "cristal" passa a ténis, e a roupa que antes de sair de casa deu tanto trabalho a combinar passa a uma simples combinação de calça e t-shirt (quanto mais larga melhor).

O "baile" está montado. 

Saio de casa e fico ali a fazer figuras tristes , ora de rabo para o ar ora quase a fazer a espargata, enquanto que de segundo em segundo fico a olhar para um relógio que mais parece um tamagochi daqueles que tanto quis em infância e nunca tive :)

Começam os primeiros passos de corrida e ainda consigo manter uma pose mais ou menos digna do figurino. Mas a verdade é que pouco mais a frente já nada mais importa a não ser fazer mais e mais km.
Chega-se ali ao 3km e bebo um golo de água, sinto sempre essa necessidade, até aqui tudo bem. 

Chega-se normalmente aos 5km e a coisa começa a aquecer. Por volta desta altura e se for de manhã é certo, tenho de arrotar. É que é sempre. Incrível. Arrotar, aquele acto que uma lady não faz ou finge que não faz. Isso são coisas de macho. Mas na corrida não quero saber, é para arrotar então arrota-se, não vou ficar com o ar aqui entalado a meio da canalização.

A coisa segue... 

A seguir a isto, como se já não basta-se, pelo facto de ir sempre ou quase sempre de boca aberta faz com que a boca seque e tenho normalmente vontade de bochechar a boca com água e Zás deitar fora como um verdadeiro macho. E esta meus amigos sabe-me sempre bem. Se é para me transformar num verdadeiro macho que o seja como deve ser, nada pela metade. 

Depois consequência da corrida, fico sempre encarnada que nem tomate e despenteada. Mas nada disso me chateia. Aliás quanto mais despenteada melhor, sinal que a coisa correu bem.
 
"Olha-me bem para essa figurinha!"

O acto de limpar o suor da cara á camisola.... Ahhhhhh este se não é o top da machice não sei não. Faz-me confusão por vezes o suor e Zás pega-se na camisola e limpa-se.... Sim senhora estás quase a conseguir um diploma de sucesso na transformação.

Mas caros amigos, falta pelo menos um que este sim, considero um dos piores que uma lady pode fazer.... mas eu faço. 
O FUNGAR!!!
Ohhh é o cumulo da machice. Fungar até mais não!
É inevitável. No inicio tentava controlar, não achava nada bonito. Mas bolas não consigo e olhem deixei de me importar. Tenho alergias, e por isso ando quase sempre a fungar... por isso de vez em quando lá vem um funganço!!

Resumindo e concluindo, a coisa começa muito bem mas no fim acabo toda trapaçada.

 
Confesso.

Eu transformo-me numa machona quando saiu á rua para correr.

domingo, 2 de novembro de 2014

# Com um olho no Burro outro no Cigano #

Foi assim o meu dia de hoje... sendo que o Burro era Nova Iorque e o cigano o Porto.
Hoje fizeram-se duas grandes Maratonas... bom elas são sempre grandes não é verdade eheheh... e nas duas tinha os meus motivos para estar atenta.
Na de Nova Iorque estavam amigos e duas grandes atletas portuguesas, A Dulce Féliz e a Sara Moreira, sendo que a Sara iria-se estrear na mitica distância.
Na do Porto tinha amigos. Amigos do peito, do coração e de todos os lados. Amigos verdadeiros daqueles que a gente sofre e ri com eles.... sente tudo o que eles sentem... e se eles estavam longe eu não seria por isso que não sentia na mesma... senti... podem crer que senti. Ás 9:00 senti um arrepiozinho na barriga como se fosse eu a estar na linha de partida á espera daquele tiro. E durante toda a manhã senti toda a ansiedade de querer chegar lá... atingir os objectivos... ver conseguidos todos os objectivos de cada um deles!!!
E essa hora chegou claro.
Mas antes ouve toda uma história a viver-se deste lado.
Uma história entre o olhar para o telemóvel em busca de noticias vindas da Cidade Invicta, e o olhar para a televisão onde corriam como se não houvesse amanhã muitas quenianas(ehehe) e duas Portuguesas. A dada altura uma foi ficando para trás mas sabia-se que se mantinha dentro do top10. Bom muito bom. Mas uma mantinha-se bem á vista... era nossa.... era do nosso povo... era da nossa pátria... era do nosso "Sangue" carago... Era a estreante.... a SARA MOREIRA!!! Durante Km's ela manteve-se colocada na frente.... ela ia em primeiro... ela ia a puxar e a dar o exemplo áquelas quenianas. Imponente.. ela não vacilou durante Km's.... Ela liderou.
A dado momento ela fraquejou, ou as outras puxaram... nestas alturas nunca sei bem o melhor termo a usar...Mas nunca deixou de ficar de olho nelas... a Portuguesa... de fibra... da nossa "raça", que não desiste... que luta... ela ia ali, a lutar, a dar luta perante aquelas mulheres.
Não vacilou.
Ela ACREDITOU!
Eu ACREDITEI!
Ela ia em 3º..... e a meta aproximava-se.
E deixá-mos de a ver.... o tempo de antena deixou á muito de lhe dar importância...
Ninguém Português sabe dela...
Onde está a Sara?!
A primeira chegou... a segunda também... mas e a Sara?!?!?!

ALI VEM ELA!!!!


E ela Dança!!! E ela festeja!!! E é dela o 3º LUGAR!!!!!

Isso Sara, mostra a elas quem é simpática e linda mostra :D

Uffa que até cairam lágrimas!!!BOA!!!!

Grande Sara!!!
Um Orgulho enorme!!!
Nestas alturas tenho sim orgulho em ser Portuguesa. Tenho MESMO! É disto que somos feitos. Não vacilamos, lutamos, ninguém é mais que nós.... nós somos capazes de tudo. Os quenianos são rápidos... são, e daí?! Nós se lutar-mos também somos. E somos BONS!!!
Somos mesmo Bons!!

E este momento foi dela, foi do filho dela, e foi do povo Português!!!!

Então e a Dulce?! Onde ela vem!?!?
Vem ali em 10º Lugar... Duas Portuguesas vão e ficam no top 10!!!
Somos mesmo BONS!!
:)

E agora o tempo de antena vai todo para o PORTO!

Chegam noticias lá de "xima"!!
Está tudo bem, tudo feliz e tudo conseguiu!!!
Apesar de algumas adversidades, todos, mas mesmo todos chegaram bem e conseguiram aquela meta!!!

Sois GRANDES!!!

E não menores em algum aspecto á Sara. Sois iguais. Sois valentes como ela, sois fortes e guerreiros.
Podem não fazer uma Maratona em 2h26min... mas fazem em 4 ou 5h o que já de si é de coragem!!!
Fazem sempre com sorriso na cara e a cada Km pensam sempre que cada vez mais estão perto da meta. Estão Quase. O sonho está quase a realizar-se. Ela está ali.
E vocês foram Grandes hoje CARAGO!!

PARABÈNS A TODOS!!!!

Muitos não estão nesta pequena colagem, mas a mesma é dedicada a todos aqueles que fizeram esta maratona!!
 E agora um Parabéns especial ao ISAAC pois foi a sua primeira e fê-la de maneira BRUTAL!!!!
PARABÈNS AMIGO!!!
Gritei por ti cá de baixo eheheeh

Agora apenas um á parte sobre o meu estado de saúde...
Já não ando pelos cantos com falta de ar eheheheh e hoje já fiz 8Km com média de 6:48min\km bom não é?!
Também achei. Dado aquilo que se passou, foi muito bom. Nunca senti assim nada de mais durante o treino, apenas um susto com um Bpm de 175... achei que me ia dar o fanico. Mas isso deve-se ao facto de ainda não estar a 100% e o coração acelera um pouco mais. Mas ESTOU DE VOLTA!!!

:)

E por isto tudo, hoje estou assim....

FELIZ!!!!!!
Provavelmente não irei mesmo á Nazaré... mas me aguardem para os DESCOBRIMENTOS!!! uahahah

Beijinhos e Abraços amigos!!
Sejam Felizes

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

# O veredito! #

Olá amigos!!!

Aqui estou eu para vos contar o que disse a médica.

Ora então é o seguinte:
O meu estado de saúde agravou um pouco, a asma intesificou-se, e a bomba que tenho deixou de ser eficaz dado também a quantidade de anos que a uso.
Ainda não conseguimos perceber qual a razão que levou ao agravamento da asma mas vamos descobrir depois de fazer alguns exames.
Ela ficou parva da vida quando eu lhe disse que o especialista que me seguia normalmente nunca me tinha mandado fazer um exame respiratório. Ela ficou incrédula, como era possível.
Pois é, uma asmática desde sempre e nunca fiz um exame de respiração. Estava num dos melhores (dizem eles) Médicos da área... se calhar não era bem um dos melhores eheheh
Mas pronto, mudou-me a medicação, explicou-me tudo super bem e disse que me ia tratar mas que primeiro precisávamos de fazer exames para ver o porquê do agravamento.
Tenho uma bomba mais potente eheheh agora é que vai ser!!!!

E a meio da consulta claro que tive que lhe perguntar se podia correr.
"Oh minha cara amiga, claro que SIM!" ehhhehe

Mas atenção desde que se sinta bem, por exemplo agora convém estabilizar a situação e depois volta á sua rotina desportiva normal.
Por isso assim que a medicação começar a fazer efeito amigos, I'm BACK!!! :)))

E é isto. Fui super bem atendida. A médica super interessada e super querida.
Adorei.

E pronto amigos, é isto. Eu vou ficar bem e logo logo volto á carga :)))

Beijinhos e abraços
SEJAM FELIZES :)

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

# Quando a saúde não tem juizo..... #

Olá meus amigos....

Já há muito tempo que não vos vinha falar .... Mas hoje venho falar-vos de maneira diferente.. ora oiçam :)

(Desculpem lá o cabelo mas o meu novo penteado é assim mesmo.... despenteado eheh)


video

Beijinhos enormes
E sejam Felizes

domingo, 5 de outubro de 2014

# A Meia da Choradeira... Mas esta ninguém "ma" tira #

Antes de continuar, informo já os meus presados leitores de que aquilo que vão ler pode causar algum pudor e até mesmo uma lagrimita... Não me responsabilizo pelos efeitos da leitura deste texto. :)

5 de Outubro de 2014, dia de me colocar na linha da partida naquela que iria ser a minha 3ª Meia Maratona.
Ressalvo aqui (e porque em alturas de dor estas coisas são importantes), de que há um ano e meio pesava quase 80Kg e nunca na vida pensei em fazer qualquer tipo de exercicio fosse ele levantar uma perna que fosse.

Equipa dos 4 ao Km presente.
ALinhei-me como era de esperar. Sabia que não estava preparada, e sabia que fazer um bom tempo seria algo muito impossível. (Não existem milagres amigos)
Saída de uma lesão e alguns contratempos nos últimos tempos (até rimei :D ) os treinos não foram virados para qualquer tipo especifico de treino, eram apenas treinos. De brincar mesmo.

Mas fui, porque não tenho medo de nada e se me tinha inscrito devia ir mesmo tentar.

E fui.

Antes das 9h já estava em cima da ponte, na companhia da equipa linda e maravilhosa.

1H30 foi o tempo que tivemos que esperar lá em cima, ora sentados, ora em pé.... tivemos mesmo que aguentar. Não sei se foi a última vez que fiz esta prova mas uma coisa confesso aqui, este tipo de provas não me fascinam de todo, muita gente, muito esforço de logistica, muita confusão, acordar muito cedo mesmo morando a 20min, empurrões sem dó nem piedade, só não tiram olhos e tripas porque até parece mal não é. Mas o "companheirismo" que uma "tartaruga" de pelotão sente é mesmo este, o sentimento de que está precisamente num cenário de canibalismo, e por favor eu não pedi nada disto... terei vindo para o filme errado!?

Mais uma "achegazinha" (esta tenho mesmo que dizer), somos uns autênticos animais, e sim disse mesmo isto.... Ou melhor nem o somos, pois estaria a ofender os pobres destes seres vivos. Somos javardos, porcos e maus. Não olhamos para o companheiro do lado, sujamos tudo, mandamos cascas de banana para o meio do chão, isto que no meio de tanta gente e no inicio meus amigos ninguém consegue ver o chão ... resultado?! Ai se não vês o chao ficas a ver de bem perto! Deixamos bonés e roupas no meio da estrada... os outros que vierem que pisem, que desviem para o lado, não custa nada pegar nessas coisas e colocar na beira. Certo?
Outra coisa e é mesmo para terminar, (desculpem lá) aprendam a retirar as tampinhas das garrafas cheias antes de as mandarem chão fora. E de preferência para a beira também.... Não é por nada, é só que pisar uma garrafinha fechada cheia de água pode-me dar uma despesa no fisioterapeuta que eu própria não quero obrigadinha.

Pronto prometo que apartir de agora só falo da prova :) (em principio)


Pouco antes das 10h30 deram o tiro de partida... e lá começou... tudo num passo certinho nada de mais, por enquanto tudo normal, a vista é linda, é de apreciar, a meia é para se ir fazendo, e por isso nada de pressas.
Rápidamente saimos da ponte e é sempre a descer até ao parque das nações. Tudo normal, tudo tranquilo, respiração vai bem, as pernas vão bem.... vou nas calmas nas subidas, nas descidas tento compensar e esticar um pouco e rápidamente se chega aos 5Km.

O ritmo não é o que desejava, nem é o que era para se fazer numa meia, mas dadas as condições é mesmo o ritmo confortável para mim. 7min\km... não é vergonha nenhuma é o meu ritmo.
Mas segundo parece uns senhores que me acompanham á uns bons 2Km ateimam em fazer troça de mim e da famosa t-shirt que DIZ "Eu corro nos 4 ao Km", esperem lá se calhar é melhor repetir não? "Eu corro Nos 4 ao Km". Acho que a ideia ficou reforçada. Pronto e os senhores iam numa enorme cavaqueira coladinhos á minha traseira e brincar com o tempo que eu ia a fazer.
Conversa de macho que corre imenso e que ÒBVIAMENTE iam só ali porque pronto iam nas calmas (entenda-se hah). Não queria meter-me, nem achei que o merecessem mas aquilo já me vinha a massacrar á uns belos 2 km e tal.... cansei-me. Os meninos lá resolvem passar ligeiramente para a frente, sempre na troça e eu tive que mandar a minha posta de pescada, desculpem lá mas não suporto gente mal educada. E apenas disse educadamente " olhem é só para vos dizer que têm de ir aprender a ler...." e os senhores muito ofendidos da vida disseram "Desculpa mas eu não queria ofender ninguém" "Claro, com toda a certeza, nem eu quero, apenas vim informá.los de algo que acho que deviam saber... fui apenas vossa amiga ;) " e ficou por ali, calaram-se e engoliram.
:) Nice

E eu lá segui no meu tempo mirabulante e mega fantástico!!! :)
Começou-me a doer entre pernas. Bolas.
Sou muito junta de pernas e os calções que levei (dado que são os unicos com bolsos para os geis e para barras que tenho)são muito abertos. Resultado, uma bela assadura estava a criar-se. Correr estava a tornar-se um tormento.
Aos 9Km havia uma subida jeitosa e como nessa subida fazia os 10Km atendi de que ali iria fazer a subida a andar e iria aproveitar para trincar a barra energética.
Assim o fiz, e na descida compensei. O ardor tornava-se cada vez mais intenso e eu tentava correr de perna aberta... sim podem rir eu permito eheh ... imaginem ?! Parecia uma atrasada a correr... ok Marta isto assim não vai resultar.
Fazer mais 11Km assim era um suicidio... a chegada a Santa Apolónia estava perto e pensei "Vou desistir, vou chegar a Santa Apolónia e vou apanhar um comboio....já não consigo.... vou desistir pela minha primeira vez".
E enquanto dizia isto para mim mesma, ia-me entretendo a ver o pessoal que já ia no retorno. E assim o tempo ia passando.. e o pensamento permanecia imponente na frase "Vou desistir".

Até que oiço uma voz que conheço bem olho em frente e vejo dois amarelinhos tal qual como eu a correrem de braços abertos na minha direcção.
Que emoção vê-los ali. Que bom que foi!!!
Estou a falar de quem?!
Isa e Vitor claro... este casal fantástico e maravilhoso!
Disseram duas palavras "Vamos contigo"

O anjo da Guarda Vitor

A madrinha e Anjinha da guarda Isa
Era aquilo que eu precisava naquele momento.
A palavra "Desistir" saiu logo da minha mente e a frase "Vou chegar á meta nem que seja a rastejar!" apoderou-se.
Completei o resto do percurso meio a caminhar meio a correr. A certa altura uma dor forte se apoderou dos meus tornezelos... eu sei, falta de treino, não foi mais nada.. era isso mesmo.
Paragem para xixi.
Voltar á carga. Toda a minha zona baixa ardia... cada vez que as minhas pernas se moviam, parecia que tinha as pernas a arder....
Era um tormento. Mas os Km's foram passando. Sempre com aqueles dois anjos maravilhosos.
Sempre incansáveis. Sempre cuidadosos. Sempre atentos a cada passo que dava!
MUITO OBRIGADO!


Chego á Avenida principal no parque das nações e já só falta 1Km.
Estava feita. E muito por culpa destes dois. Sei perfeitamente que não seria capaz de prosseguir se eles não aparecessem. Teria ficado ali mesmo, Sta. Apolónia.
Ainda bem que apareceram e provei de que ainda tinha forças, e apesar daquilo que ia a sofrer, ainda tinha um pouco de força.
Temos sempre amigos.
Sempre.
Temos apenas de saber onde a ir buscar.
Hoje fui buscar a estes dois pequenos grandes anjos da guarda.

Pouco antes da meta tiveram que me largar.... fui sozinha aqueles poucos metros.
Alguém lá ao fundo acenava, vibrava, e gritava. Alguém que conheço bem.
Alguém que estava preocupada por demais na meta.
Alguém que eu sabia que estava a causar um dor grande por estar a demorar mais 30min que o normal.
A MÃE!
Aí sim as lágrimas correram. Não fiz questão de as suster. Não. Porque o haveria de fazer?!
Era aquele o meu porto, era ali que eu tinha que deitar cá para fora tudo.
Só lhe disse "Cheguei, mas doeu tanto!"
Ela em lágrimas disse "Mas já está filha. Força!"

E ela tinha razão. Já estava.
Não vi o PAI.
Dei a curva... vejo a meta... ah e vejo o PAI.
De máquina imponente mas de lágrima na face também. Não vi mas senti.
E voltei a chorar...
A ele disse "Doeu tanto!"

A chegada...
Doeu!
Não vou mentir.
Se existe uma palavra que define esta minha 3ªMEIA é DOR!

Vi a meta... acelerei... sim dei-lhe gás... como normal não é?! :)
Passei a meta... parei.
Naquele momento tive a sensação de que precisava de gritar.
Não gritei... mas tapei a face e chorei.
Respirei fundo e avançei, avançei porque havia algo lá á frente que me pertencia.
Sim, a MEDALHA era minha!
Aquela MEDALHA era MINHA!


Lutei cada Km para a merecer. Sofri cada gota de suor para a ter.

Sem demoras coloquei-a onde ela pertence.... no PEITO!
Sim, esta é MINHA!

Apenas quero dizer que todos temos os nossos limites e devemos conhecê-los. Eu hoje pensei que sabia qual era o meu limite mas aprendi que ele está bem mais longe do que aquilo que imaginei.

Hoje bati um Recorde.
O maior tempo efectuado em prova. 3Horas.
Sim foram 3 horas.
Não tenho vergonha de o dizer.
Foram 3 horas sofridas mas merecidas.
Foram 3 horas que me deixaram muito orgulhosa de mim mesma.

E isso não há nada que pague.

SENTE-SE!

Foi de longe a prova mais sofrida em Meia.... mas Foi também de longe a prova com mais sentimento que fiz. Que mais senti. Que mais vivi cada Km.

Esta prova, vou sim guardá.la para sempre, como uma prova em que aprendi muito, e dei muito!

Obrigado Isa, minha madrinha maravilhosa, e Vitor. Meus anjos da guarda.
Obrigado aos meus Pais que são uns super Pais e a quem hoje fiz sofrer um pouco.

Aqueles a quem lhes devo tudo! :) OBRIGADO
E obrigado a todos aqueles que por mim passaram e que deixaram o seu FORÇA!
Cada um deles foi muito importante, e espero ter agradecido a todos. Peço desculpa aqueles que falhei.

Um grande beijinho
Sejam felizes SEMPRE