sexta-feira, 18 de abril de 2014

# Histórias que nos enchem a alma #

História de amor de um Pai para com o seu filho. 
Rick tem paralisia cerebral provocada pelo enrolamento do cordão umbilical no pescoço na hora do nascimento. Tal acontecimento impediu que o oxigénio chegasse ao cérebro, ficando com danos irreversíveis. Na altura os médicos disseram ao pai Dick que era melhor colocá-lo numa instituição pois ele era um vegetal. Mas como pai que era, não o fez e permitiu ao filho ter uma vida igual a todos os outros. Um dia o Rick diz ao pai que gostaria de participar numa corrida solidária da sua escola, que iria decorrer em prol de um colega que tinha ficado paraplégico. O pai aceita e essa foi a primeira vez que os dois participaram numa prova. Daí em diante nunca mais pararam. Um dia o Rick diz ao pai que gostava de fazer um IronMan (3.8Km a nadar, 180Km de Bicicleta, 42Km a Correr\Andar). E o pai que não sabia nadar... Aceitou o desafio... 
Querem saber mais!?
Vejam o video. 
Porque à Histórias que valem a pena :)


Se dúvidas houvesse de que não existem impossíveis, este PAI mostrou que TUDO É POSSÍVEL!!!
Na próxima Segunda-Feira será a última prova entre pai e filho na Maratona de Boston. 
Daqui vai uma grande energia para os dois e que a vossa história inspire pessoas de todo o mundo. 
A mim já fez toda a diferença "conhecer-vos".

10 comentários:

  1. Já conhecia. Palavras para quê? :)

    Beijinhos e até amanhã... em força!

    ResponderEliminar
  2. Já tinha visto mas rever...olha sem palavras. E com muitas lágrimas.
    Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Completamente.... é de correr lágrimas :)
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Também já conhecia à algum tempo mas é sempre bom rever.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. Já conhecia tb....vale sempre a pena rever...uma história de amor incrível que por muitas vezes que reveja, me deixa sempre com a lágrima correr pela cara abaixo.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não dá mesmo para conter as lágrimas.
      Beijinhos

      Eliminar
  5. Decididamente somos nós que impomos os nossos limites.
    Bjs

    ResponderEliminar